Field Music – Field Music (Measure)

19.01.2010 — Música, Resenhas

Field Music

Field Music (Measure)

(Memphis Industries; 2010)


O Field Music tem um ponto a defender ou eles não lançariam um disco duplo em pleno ano de 2010. Se eles não sentissem que tem uma causa na música o tal do hiato do grupo, anunciado após o lançamento de Tones of Town, em 2007, teria durado mais e não teria contado com o School of Language e o The Week That Was, projetos solos dos “chefes” do Field Music, dos irmãos David e Peter Brewis, respectivamente.

Neste terceiro lançamento, Field Music (Measure), a ideia do grupo, ao que parece, é dar mais vazão à criatividade e ao experimentalismo sem se perder musicalmente, sem sair da linha. O disco, como seus antecessores, é muito bem estruturado e com belos arranjos instrumentais e linhas vocais, mas David e Peter conseguem mostrar um pouco mais os seus leques de influências e, consequentemente, se distanciam do rock inglês atual e abraçam o rock dos anos 70, dos solos ao estilo Led Zeppelin, passando pelo clima Berlim de David Bowie e chegando a algumas melodias a Lindsey Buckingham.

O resultado final é satisfatório, afinal eles são músicos excelentes, suas gravações são sempre limpas e precisas e suas melodias invariavelmente marcantes, mas o que poderia ser um verdadeiro empurrão nos limites de sua arte, com um belo toque clássico a suas canções pop, para no próprio conservadorismo do grupo. “Let’s Write a Book”, “Choosing Numbers” e “First Comes The Wish” são exceções preciosas que comprovam o quanto Measure podia ser ótimo mas que, pela teimosia por tempos que já não existem, o torna desnecessariamente longo e o Field Music em um grupo pop ainda à procura de seu som, lutando pela sua causa.

Nota
▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▒▒▒▒▒▒▒▒▒▒▒▒
6.5
Tags: