The National – Afraid of Everyone

14.04.2010 — Blog

Quem conhece a gente sabe exatamente quem são os nossos queridinhos. O National é, desde 2005, uma unanimidade por aqui e isso não deve ser novidade para você. Não deve porque essa não vai ser a primeira e nem a última vez que você lerá coisas sobre eles aqui. Sim, eu estou enrolando. Um pouco pela dúvida de não ter gostado de "Afraid of Everyone" de cara. Outro pouco por ter a dúvida, mas na segunda escutada perceber detalhes muito bonitos e diferentes das coisas que o grupo fez até hoje. Fã é sempre um ser inútil. E eu sou fã de National. É o que muitos já me disseram. Mas antes de fã, eu sou chato. E minha chatice diz: o National já foi melhor, mais intenso e cheio de vontade e até mais raivoso na hora de moldar a beleza e a melancolia. Mas, fã ou não, esse tipo de ideia pré-estabelecida deixa de ter validade quando escutamos a uma faixa tão certeira nos detalhes como "Afraid of Everyone". A começar pelos backing vocals fantasmagóricos de Sufjan Stevens e do restante do grupo e o começo sem bateria, uma das principais marcas da banda, que aparece em destaque apenas no final, passando pelos violinos tensos, guitarras de timbres fortes e teclados persistentes, e culminando, uma vez mais, na letra e no canto de Matt Berninger, uma espécie de irmão mais velho cheio de decepções e medos e raiva e sentimento e ressentimento que te conforta sem conselhos, apenas cantando as palavras certas no momento propício. (Denis Fujito)

Tags: